December 30, 2003

Feliz Ano Novo!
Gott Nytt År!

Filed under: Aniversários — Maria Fabriani @ 11:02

December 29, 2003

Previsão do tempo

Previsão do tempo
Aqui está a previsão do tempo para os próximos dias em Boden. Se tem uma coisa que os suecos são competentes é em prever temperatura, chuva, neve, ventos etc. E como eu não sou de ferro, verifico todos os dias quando acordo o tempo na Internet na página de Väder [véder] (= tempo) do jornal Dagens Nyheter. Veja só:
As previsões dos primeiros quatro quadrados são pra hoje, dia 29. Förmiddag quer dizer “antes do almoço”, assim como Eftermiddag significa “depois do almoço”. Kväll é “noite” (a partir das 18 horas) e Natt quer dizer “madrugada”. Hoje a temperatura vai oscilar entre 3 e 14 graus nagativos. O céu terá muitas nuvens mas não deve nevar. O vento fica estável em 2 m/s, o que é bem fraquinho.
Nos quatro quadrados de baixo tem-se a previsão para os outros dias da semana. Tisdag é terça-feira; Onsdag, quarta; Torsdag, quinta; e Fredag, sexta-feira. Então sabemos agora que no dia 31 de dezembro, quarta, teremos por volta de 20 graus negativos por aqui. Brrr.
Mas o melhor de tudo é, claro, os cinco quadradinhos lá de baixo na figura, onde lemos: Solens upp- och nedgång, que quer dizer “Nascer e pôr do sol”. I dag, que quer dizer “hoje”, o sol nascerá às 10h02m e se porá às 13h16m. Amanhã, Tisdag (terça), ganharemos um minuto no nascer do sol e dois minutos no final do dia. Na quarta, Onsdag, a mesma progressão se repete. Ai, que alegria!

Filed under: Europa & Escandinávia — Maria Fabriani @ 09:40

December 28, 2003

Feminismo na madrugada

Ainda nem são seis da matina e cá estou eu, acordadona, depois de ter ido dormir à meia-noite. Fui acordada às cinco da manhã pelo trator que retira neve das ruas, que resolveu nos premiar com ruas sem neve nesse domingo de manhã. Claro. Nevou pra burro ontem e anteontem, mas porque retirar a neve na noite de sábado pra domingo? Num dava pra esperar mais um pouco não? Ó céus…
Bom, já que estou aqui… Durante o feriado de natal eu li o livro “Min mosters migrän” (= “A enxaqueca da minha tia”), da escritora dinamarquesa Hanne-Vibeke Holst. Não sabia quando comprei o livro, mas estava começando a ler uma obra feminista. Gostei muito de várias coisas, de outras nem tanto, mas a narrativa é tão pessoal (e universal) que é impossível não se identificar.
O livro conta a história da escritora, uma jornalista dinamarquesa moderna, que desde sempre lutou pela total igualdade entre homens e mulheres. Em todos os sentidos, mesmo depois de ter tido filhos e virado mulher de fulano, em vez de uma pessoa com identidade própria. Aliás, isso é um tema recorrente no livro inteiro, a coisa da identidade e da integridade como indivíduo.
Queria ver até onde o feminismo escandinavo me levaria e não me decepcionei. Há uma percepção de que as mulheres daqui lutam sem parar desde o século retrasado e ainda assim há muito mais pelo que se lutar. Apesar da aparente igualdade que as mulheres gozam nos países nórdicos, a coisa ainda não é como deveria. E a culpa? É dos homens, certo? Well, não exatamente.
Passamos a vida inteira - assim como a escritora - querendo ser one of the boyz e não nos damos conta de que isso, por si só, já é um indício de que as coisas não são como deveriam. Pra que precisar ser aceita pela elite se essa elite não nos representa? É quase que totalmente formada por homens que são “levados a sério” por nós, mulheres. Nós alimentamos a roda da desigualdade.
Mas não vou ficar aqui discutindo minhas idéias sobre isso. Pelo menos não hoje porque está muito cedo pra ficar p*** da vida. O livro tem partes engraçadas. Uma delas é quando a autora diz que estava tão infeliz na sua luta por igualdade que simplesmente queria que a tal da sua integridade como pessoa fosse pras cucuias, tudo em troca de um amor. :c)
Uma parte do livro descreve com precisão como me sinto às vezes aqui não apenas com relação às dificuldades como mulher, mas como pessoa em geral mesmo: “Styrka, ja! Vi är starka, var och en. Men alla känner vi dessutom väl till känslan av att gå i vatten. Av motståndet man inte ser.” (“Força, sim! Nós [mulheres] somos fortes, cada uma de nós. Mas todas nós conhecemos a sensação de caminhar debaixo d’água. A resistência que não se vê”.)
Aliás, o livro chama-se a “enxaqueca da minha tia” porque a tia da autora foi casada por mais de 30 anos e sempre sofreu de uma enxaqueca crônica que a impedia de comparecer às funções de família etc. Quando ela decidiu se separar do marido - helás! - a enxaqueca desapareceu… Ho ho ho

Filed under: Livros — Maria Fabriani @ 06:07

December 27, 2003

Acabou

Engraçado, estou escrevendo vários posts com o título “acabou”. Realmente um recomeço no ano novo. Mas é verdade, o estresse de Natal acabou. Amém! Chegamos ontem em casa, depois de quatro dias na casa da minha sogra, fazendo visitas às pessoas da família etc. Estou exausta. Agora só quero saber de cama e dengo. Aliás, hoje estamos tendo um “Indiana Jones - Omnibus”. Já vimos os dois primeiros filmes. Agora só falta o terceiro, com o Sean Connery.
Desde antes do natal estou com problemas sérios com o meu email. Por isso é que algumas pessoas que me mandaram mensagens as receberam de volta. Não sei ainda o que está acontecendo e não saberei tão cedo. Isso porque o serviço ao consumidor da empresa não está funcionando nesse feriado-final de semana. Um saco! Quero que o ano comece logo! Quem quiser pode mandar emails provisoriamente para o endereço mariafabriani@yahoo.com.
Já já retomo a blog-rotina normal. Beijoca em todo mundo e obrigada pelas mensagens de Natal. :c)

Filed under: Europa & Escandinávia — Maria Fabriani @ 17:29

December 23, 2003

Feliz Natal!
God Jul!

Filed under: Aniversários — Maria Fabriani @ 11:47

December 22, 2003

Acabou a escuridão

Hoje, dia 22 de dezembro, acaba a escuridão do inverno. Explico: apesar de ainda ter pela frente dois meses de frio intenso, hoje é o solstício de inverno - o dia mais curto do ano. E a partir de amanhã ganhamos preciosos minutinhos de sol e luz todos os dias. Hoje o sol nasceu às 10h03m e se porá às 13h07m. Na terça, ganharemos um minutinho no final do dia.
Morar aqui é um exercício pra alma: ficar feliz com pequenas (bem pequenas) coisas. Hoje é, sem dúvida, o dia mais alegre desse inverno… :c)
PS.: Cris UK e Marcos, no meu calendário sueco o dia mais curto é hoje… :c)

Filed under: Europa & Escandinávia — Maria Fabriani @ 06:40

December 21, 2003

Frio

Sabe qual a temperatura do lado de fora da minha janela? 20 graus negativos. Reparo em mim mesma e vejo que estou rabugenta e acho que a culpa é do frio intenso, que não me permite sequer pensar em botar meu narizinho pra fora de casa. Mas, por mais que esteja tentada pela solução simples, a culpa não é do frio. Claro.
Dezembro é um dos meses no qual sinto que o abismo existente entre mim e os suecos cresce enormemente. Todo mundo torce para que a neve venha. Até aí tudo bem, porque eu também acho legal. Mas e o frio? As pessoas daqui esperam que dezembro seja muuuuiiittoo frio mesmo, que a gente vá ter o jantar de Natal e depois não possa “gastar” a comilança andando pelo quarteirão simplesmente porque está frio demais.
Tá, tudo bem, eu admito que adoro frio e, portanto, deveria trocar meu emburramento por espíritos mais leves. Vou tentar. Aliás, sabe uma coisa boa que aprendi aqui? Que é uma delícia sentar num local aquecido. No Brasil nunca pensamos nisso, os carros não têm essa opção e, sinceramente? Não sabemos o que estamos perdendo.
O lance é: se nossa bunda está feliz, nós estamos felizes também. :cD

Hoje é o quarto advento e dezembro já está chegando ao fim. Graças a Deus.

Filed under: Europa & Escandinávia — Maria Fabriani @ 10:28

December 20, 2003

Ontem foi dia

“O Senhor dos Anéis - O Retorno do Rei” é um dos melhores filmes que assisti nos últimos tempos. Claro, ele completa a trilogia e, óbvio, tem muito mais graça se você leu e se apaixonou pela história dos livros. Mas, ainda assim, é um E-S-P-E-T-Á-C-U-L-O.
Queria ser linda como Arwen e forte como Éowin. Lá pelo meio do filme, dá vontade de gritar “Ahhhhhhhhhhhhhhhhhhhhh!!!!” a plenos pulmões quando os cavaleiros de Rohan atacam o exército dos orcs em frente a Minas Tirith (não estou estragando a experiência. A história é essa, está no livro três do Tolkien e é apenas uma das aventuras desse terceiro episódio da saga do anel).

Nossa, li novamente o que escrevi aí acima e parece que me tornei uma nerd de primeira linha! Ainda bem que não me aventurei a comparecer ao cinema com roupas medievais… :c)

Filed under: Cinema e televisão — Maria Fabriani @ 10:38

December 18, 2003

Delicadeza

A vida da gente é mesmo muito estranha e, às vezes, engraçada. Isso porque por mais que a gente sofra, sinta saudades, chore e se irrite, se conseguirmos nos distanciar um pouco das sensações desagradáveis, às vezes aparecem pessoas, coisas, pequenos acontecimentos que nos ajudam a seguir em frente. Hoje estava aqui em casa, angustiada, nervosa, esperando um monde de coisas acontecerem, quando o correio chegou.
Ele chegou atrasado, lá pelas duas da tarde. Geralmente recebemos nossas cartas às 11 da manhã, mas está nevando sem parar desde o início da semana, o que prejudicou estradas e dificultou a vida de todo mundo. Mas não me entenda errado: adoro neve. É lindo, tudo está branquinho, não está tão frio (hoje estava - 3 graus) e a neve é aquela powder snow: basta soprar pra ela sair do parabrisa do carro. :c)
Mas, ainda assim, cá estava eu, quase que não cabendo em mim de nervosismo. Andava literalmente de um lado pro outro, da sala pro quarto, porque não conseguia ler nem ver TV. Aí, abri um pacotinho marrom, escrito com pequenas letras pretas perfeitinhas. Eis que dentro vejo um livrinho - a coisa mais delicada do mundo - junto com com um cartão que me fez chorar no meio da confusão mental em que me encontro. Marcinha, minha flor, que coisa mais linda. Obrigada!
O livro que eu ganhei é “The Tale of Peter Rabbit”, de Beatrix Potter, uma escritora inglesa que viveu na época vitoriana. Já tinha ouvido falar desse livrinho mas nunca o tinha visto. As ilustrações, o texto, tudo é tão delicado, que eu nem sei como descrever. Visitem o site oficial do livro - que é um clássico infantil na Inglaterra e nos EUA - e vejam com seus próprios olhos.
Educação a gente aprende, mas delicadeza é inata. E rara.

Filed under: De bem com a vida — Maria Fabriani @ 16:45

December 17, 2003

Nós e os filmes

Acredito piamente que uma pessoa é uma combinação de fatores: genes, tendências naturais e históricas e das circunstâncias de vida em geral. Por isso lemos livros aos 11 anos que não nos interessam aos 22, mas que nos fazem entender como éramos então. Com filmes é a mesma coisa. Nesse Natal eu e Stefan fizemos nossa lista oficial de DVDs - aqueles clássicos que não podemos deixar de ter em casa. Tem muitos outros, mas esses são os que nos lembramos por enquanto.
O que me pareceu estranho é que a maioria dos meus filmes foi feita nos anos 90, enquanto que muitos filmes da lista do meu urso polar são mais antigos, lá dos anos 70 e 80. Como eu e Stefan pertencemos à mesma geração, nossas idades não são a causa. Acho que o fato de ele ser nerd, europeu/escandinavo e de gostar de filmes de guerra e eu uma romântica moderna sulamericana com um gosto especial por filmes tocantes, altera um pouco nossa linha de pensamento. :c)

Lista da Maria

2001 Uma Odisséia no Espaço
Absolutely Fabulous Box
Alien Quadrilogy
¡Átame!
Blade Runner
Billy Elliot
Caça ao Outubro Vermelho
Charlie Chaplin Box
Cidadão Kane
Cidade de Deus
City of Angels
Cor Púrpura, A
Encontros Imeadiatos de Terceiro Grau
Finding Nemo
Fantástica Fábrica de Chocolate, A
Fried Green Tomatoes
Gladiator
Godfather, The (Box)
Graben i Graven Bredvid
Grease
Hermans historia
Hitchcock Collection Box 1 e 2
Indiana Jones (caixa com os quatro filmes)
In the name of the father
Le Fabuleux destin d’Amélie Poulain
Nome da Rosa, O
Outra, A
Pianist, The
Philadelphia
Room With a View, A
Saturday Night Fever
Simpsons (várias box…)
Tacones lejanos
Thelma and Louise
Todos os Homens do Presidente
Vestígios do Dia
When Harry met Sally
Lista do Stefan

2001 Uma Odisséia no Espaço
Abyss, The
Alien Quadrilogy
Apocalypse Now
Band of Brothers
Black Hawk Down - Deluxe Edition
Blade Runner
Braveheart
Caça ao Outubro Vermelho
Catch 22
Charlie Chaplin Box
Das Boot
Dogma
Fahrenheit 451
Fifth Element
Finding Nemo
Full Metal Jacket
Gladiator
Godfather, The (Box)
Green Mile, The
Hermans historia
Hitch hikers Guide to the Galaxy, The
Indiana Jones (caixa com os quatro filmes)
Kellys Heroes
Leon
Life of Brian
Lost in Space
Mad Max I, II e III
M*A*S*H (filme e caixa com seriado)
Men in Black I e II
Monty Python and the Holy Grail
Nome da Rosa, O
Pianist, The
Star Trek (todos os filmes existentes)
Starship Troopers
Terminator 2
Total Recall
X-Men 2
Não pensem que estou dando uma dica pra quem quiser me mandar presentes de natal não, ok? Os DVDs que funcionam aqui não funcionam em outros lugares do mundo, nem mesmo na Europa (continente) :c(((

Filed under: Cinema e televisão — Maria Fabriani @ 11:13
Next Page »
 

Bad Behavior has blocked 545 access attempts in the last 7 days.